26/03/2020 - 10:41

Líderes de classe mobilizam colegas para estudos on-line nas escolas estaduais

Os estudantes líderes de classe das escolas estaduais estão mobilizando os colegas para estudos on-line, durante o período de suspensão das aulas presenciais por causa da pandemia do Coronavírus. Eles usam grupos de WhatsApp para se comunicar e compartilhar atividades, através do uso de ferramentas do Google Sala de Aula.

Tem sido assim com os líderes de classe do Colégio Ministro Aliomar Baleeiro, localizado no bairro de Pernambués, em Salvador. Os líderes de classe e os representantes do Grêmio Estudantil do colégio estão engajados na divulgação das atividades enviadas por grupos de WhatsApp das turmas e os professores também estão utilizando a plataforma do Google Hangouts, que permite a realização de aulas através de videochamadas, além do envio de tarefas, textos e vídeos sobre os conteúdos no Google Sala de Aula.

Juliana Alves, 17, 3º ano, que é uma das monitoras do Programa Mais Estudo do Aliomar Baleeiro, falou de sua rotina de estudos em casa. “Pelo computador, eu assisto as vídeo-aulas, faço pesquisas e leio slides e apostilas. Além disso, respondo as atividades enviadas pelos professores e estou gostando muito desta interação através da tecnologia”, disse a estudante.

A professora de Matemática do colégio, Bárbara Barbosa, falou da importância da utilização do Google Sala de Aula para explorar os conteúdos da disciplina. “Trabalho esta ferramenta como complementação do conteúdo visto em sala de aula. O meu objetivo é fazer com que os alunos façam o uso da tecnologia em benefício próprio. Envio material de estudo e atividades de fixação, para as quais indico links de vídeos que os auxiliam. As avaliações são feitas usando a ferramenta Google Forms”, destacou.
 

Suspensão das aulas
 
O governador Rui Costa anunciou a suspensão de aulas, no dia 19 de março, nas escolas estaduais e da rede privada, em todos os municípios da Bahia. As determinações têm por objetivo evitar a disseminação do vírus que causa a doença  Covid-19. Após a suspensão, as aulas da rede estadual serão repostas, garantido os 200 dias do ano letivo.
 
Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado