30/11/2018 - 16:14

Estado celebra o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência

No dia 03 de dezembro é celebrado o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, data instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU), desde 1992, para estimular reflexões e ações a respeito dos direitos à dignidade e bem estar social das pessoas com deficiência e mobilidade reduzida no mundo. Diante deste marco, na próxima semana, a Superintendência dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Sudef), da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), participa de uma série de ações para a promoção e garantia de direitos da Pessoa com Deficiência (PcD) na Bahia.

Na segunda-feira (03), a Sudef participa da Mostra Artística com o Núcleo de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia (Neojiba), no Espaço Xisto Bahia, às 14h. Já na terça-feira (04), acontece o Seminário “Empoderando Pessoas com Deficiência e Assegurando a Inclusividade e a Igualdade”, no Auditório Afonso Garcia Tinoco - Sede do Ministério Público da Bahia (MPBA), no Centro Administrativo, das 14h às 18h. O evento é promovido pelo Fórum de Combate à Violência Contra a Pessoa com Deficiência e conta com o apoio da SJDHDS.

Como parte das atividades da semana, a SJDHDS também está produzindo cinco reportagens especiais que apresenta histórias de vida de pessoas com deficiência, a serem divulgadas nas redes sociais da Secretaria, sobre a temática PcD. “Com o objetivo de ampliar cada vez mais as ações de promoção da acessibilidade, melhorar a qualidade de vida no local de trabalho e combater a violação dos direitos contra a pessoa com deficiência, a Sudef realiza ações e eventos para fortalecer esta temática em todas as partes da Bahia. É uma semana muito importante para colocarmos em evidência a nossa causa pela inclusão e igualdade de direitos”, afirmou Alexandre Baroni, superintendente da Sudef.


Ações da Sudef

Baroni pontuou importantes ações concretizadas pela SJDHDS, entre elas: a implantação do Fórum para o Enfrentamento a Violência contra a Pessoa com Deficiência, com a participação do Sistema de Garantia de Direitos, e instaurou o Comitê Técnico Estadual de Acessibilidade; Implantou nos municípios na melhoria da acessibilidade através do fomento de implantação de módulos de acessibilidade. Além desses compromissos, a Sudef também realiza cadastramento no Programa Passe Livre Intermunicipal, que concede gratuidade no transporte intermunicipal, contribuindo assim, para a melhoria da qualidade de vida e inclusão social das PCD's. Do total de 35.862 carteiras concedidas, 11.234 foram feitas em 2018.

“Não restam dúvidas que muito se avançou no tocante às políticas públicas voltadas para a pessoa com deficiência, principalmente relacionado ao Passe Livre”, considerou Alexandre Baroni.

A SJDHDS também disponibiliza a Central de Interpretação de Língua Brasileira de Sinais – Cilba, com funcionamento no prédio da SJDHDS, na 3ª Avenida do Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 17h30, com intérpretes à disposição para atendimento presencial ou online de surdos, pessoas com deficiência auditiva e oralizados que se comunicam por Libras e que precisam de apoio para ter acesso aos serviços ofertados pelo poder público. Para utilizar o atendimento da Cilba, o surdo precisa se cadastrar pessoalmente na Central, levando Carteira de Identidade, CPF, cópia da audiometria e uma foto 3x4. Já para os casos de solicitação de intérprete por uma instituição, deve-se encaminhar um ofício com cinco dias úteis de antecipação.


Fonte: Ascom/ SJDHDS